Como fazer café: guia para fazer o café perfeito em casa

xicara de cafe como fazer cafe
Imagem de master1305 no Freepik

Quer saber sobre como fazer café em casa? Então você está no lugar certo. Hoje você irá conhecer o passo a passo para produzir as mais conhecidas receitas dessa bebida tão apreciada pelos brasileiros.

O café é uma das bebidas mais consumidas no mundo e é apreciado por sua saborosa fragrância e por seu efeito estimulante. No entanto, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre como preparar um café gostoso em casa. Neste guia, vamos ensinar você a fazer diferentes tipos de café para que possa desfrutar de uma bebida deliciosa em casa.

Existe segredo para fazer um café gostoso?

Se você quer fazer um café gostoso, saiba que diversos fatores impactam a qualidade da sua bebida. Isso porque a qualidade dos ingredientes utilizados e a maneira como o café é preparado são fundamentais para obter um saboroso café. 

Se você quer apreciar um bom café, utilize sempre água filtrada, café fresco e de boa qualidade. E na hora do preparo é importante escolher aquele que melhor agrada o seu paladar entre os diversos métodos de preparo.

Para te deixar preparado para nossas receitas de café, veja o vídeo abaixo, onde Vivi Fonseca, Coffee Master do Starbucks, conta quatro fundamentos para o café perfeito.

No vídeo, Vivi Fonseca explica tudo que você precisa saber sobre a proporção entre café e água, moagem do café, qualidade da água, frescor do grão e os inimigos do café. Ficou com preguiça de ver o vídeo? Calma que explico para você:

Qual é a proporção ideal de café e água

Essa resposta depende do tipo de método de preparo que você vai utilizar. Veja abaixo a quantidade certa de café e água para cada um dos métodos.

  • Café coado – 10 gramas de café (2 colheres de sobremesa) para cada 100 ml de água.
  • Café na prensa francesa – 10 gramas de café (2 colheres de sobremesa) para cada 180 ml de água.

Qual o tipo de moagem ideal do café para cada preparo

O que determina o tipo de moagem ideal é o tempo de contato do café com a água que você necessita. Veja abaixo qual a moagem ideal para cada um dos principais tipos de café.

  • Moagem fina – café espresso na máquina
  • Moagem média – café preparado em filtro de papel
  • Moagem grossa – café preparado na prensa francesa, pois o tempo de infusão é bem mais longo que nos outros métodos.

Qual o impacto da água na qualidade do café?

A Coffee Master destaca dois grandes pontos sobre a água no processo de preparo do café:

  • Água sem cloro: a qualidade da água interfere no resultado final da bebida, por isso o ideal é utilizar uma água sem cloro, sendo ela mineral ou filtrada.
  • Temperatura da água: quando a água que estiver no foco começar a fazer bolinhas que sobem pelo recipiente ela chegou a temperatura ideal para o preparo do café.

Como armazenar um café corretamente

Para Vivi, o café tem quatro grandes inimigos para se manter com qualidade: luz, calor, umidade e oxigênio, por isso existem dois pontos cruciais relacionados ao frescor do café na hora do preparo:

  • Prazo de validade: você precisa garantir que o café está dentro do prazo de validade.
  • Armazenagem: o ideal é conservar o café na própria embalagem o mais lacrado possível, para evitar que seus inimigos mudem sua qualidade.

Sobre a armazenagem do café, aqui em casa nós mantemos o café na própria embalagem e o colocamos em um pote hermeticamente fechado, assim minimizamos a perda de qualidade do grão.

Pronto, agora você já está pronto para conhecer as melhores receitas de café.

Como moer seus grãos de café

Ao moer os grãos de café, aumentamos significativamente a superfície de contato entre a água e o café, o que resulta em uma maior extração dos compostos solúveis que compõem o sabor e o aroma do café.

Porém, se o tamanho da moagem for muito fino, a água terá dificuldade em fluir pelos grãos, o que pode levar a uma extração excessiva, resultando em um café amargo e desagradável. Por outro lado, se a moagem for muito grossa, a água passará rapidamente pelos grãos, resultando em uma extração insuficiente, o que pode resultar em um café fraco e sem sabor.

Leia nosso guia de como moer café em casa para chegar a granulometria ideal para seu método de preparo.

Pronto, agora você já está pronto para conhecer as melhores receitas de café.

Como fazer o café perfeito em casa

Veja abaixo nossas receitas para fazer o café perfeito na sua casa sem esforço. Aproveite!

Como fazer café expresso

maquina de cafe expresso
Imagem via Freepik

Segundo dados do livro “O Consumo de Café Expresso no Brasil”, atualmente, no Brasil, o café expresso responde por 5% do consumo total.

O café expresso é uma bebida bastante forte e encorpada. Para prepará-lo, é necessário uma máquina de café expresso. Certifique-se de que a máquina esteja limpa e aquecida. Coloque o café moído no porta-filtro e nivele-o, pressionando com o auxílio de uma colher. Em seguida, coloque o porta-filtro na máquina e faça o café. O café expresso deve ser servido em uma xícara aquecida.

Para ver como fazer um expresso com vídeo, veja o nosso passo a passo sobre como fazer um café expresso.

Leia também:  Tamarindo: benefícios, para que serve e como consumir

Como fazer café na cafeteira elétrica

xicara cafe feita cafe cafeira eletrica
Imagem via Freepik

A cafeteira elétrica já é um eletrodoméstico muito comum nas casas brasileiras. E quem tem sabe como é bom acordar e ter um cafezinho pronto te esperando.
Para preparar o café na cafeteira, é necessário colocar o café moído no filtro, adicionar a água na parte de cima da cafeteira e ligá-la. O café será preparado automaticamente e ficará pronto em poucos minutos.

Para ver como fazer um expresso com vídeo, e tirar dúvidas como qual a medida certa para fazer esse tipo de preparo veja o nosso passo a passo sobre como fazer um café na cafeteira elétrica.

Como fazer café coado simples

fazendo cafe coado
Imagem via Freepik

O café coado é uma das formas mais tradicionais de preparar café no Brasil. Para prepará-lo, é necessário utilizar um filtro de papel ou pano e um coador de café. Coloque o café moído no filtro, aqueça a água e despeje-a aos poucos sobre o café. Espere o café escorrer e sirva.

Para ver como fazer um café desse tipo com vídeo, veja o nosso passo a passo sobre como fazer um café no coador.

Como fazer café cremoso

como fazer cafe cremoso
Imagem via Freepik

Essa receita de café fica boa para aqueles dias frios, onde tudo que você quer é uma bebida quentinha e reconfortante para afastar o frio.

O café cremoso nada mais é que um tipo de bebida onde um preparo de café solúvel, açúcar e água é batido até se tornar um creme que pode ser adicionado ao leite, café, cappuccino ou até mesmo com chocolate quente. 

Para ver como fazer um café desse tipo com vídeo, veja o nosso passo a passo sobre como fazer um café cremoso.

Como fazer café gelado

copo cafe gelado
Imagem de wirestock no Freepik

Também conhecido como cold brew, o café gelado é bastante popular no Brasil, já que é uma ótima opção para os dias quentes do nosso verão.

 A origem dessa bebida data de mais de 400 anos, quando holandeses, prepararam concentrados de café com água fria para levar em viagens e apenas aquecer na hora de tomar.

Para preparar essa refrescante versão do café, é necessário ter uma prensa francesa e paciência. Veja abaixo o passo a passo para o preparo.

Ingredientes:

  • 15gr de café de moagem grossa.
  • 500 ml de água gelada.

Para prepará-lo, siga os passos abaixo:

  • Coloque o café na sua prensa francesa e complete com água até a tampa.
  • Deixe essa mistura descansando por 12 horas dentro da geladeira.
  • Baixe a tampa da sua prensa com cuidado para que algum resíduo de café não passe.
  • Adicione gelo e sirva. 

Algumas pessoas gostam de adicionar frutas como morango, framboesa ou limão. Esse café gelado também fica ótimo para fazer coquetéis.

Tire suas dúvidas do campo 

Veja abaixo as respostas para as principais dúvidas sobre como fazer um café.

Quais os efeitos do café no corpo humano?

Existem estudos que apontam diversos impactos no corpo humano ao consumir café. Alguns dos efeitos mais comuns incluem:

  1. Melhora do desempenho físico: A cafeína presente no café pode melhorar a performance durante atividades físicas devido ao seu efeito estimulante.
  2. Melhora do estado de alerta e da concentração: A cafeína também pode melhorar a atenção, a concentração e a capacidade de memória em algumas pessoas.
  3. Redução do risco de doenças crônicas: Estudos sugerem que o consumo de café pode reduzir o risco de algumas doenças crônicas, como diabetes tipo 2, doença de Parkinson e alguns tipos de câncer.
  4. Ação antioxidante: O café contém antioxidantes que podem ajudar a combater os radicais livres e reduzir o estresse oxidativo no corpo.
  5. Efeito antidepressivo: Algumas pesquisas sugerem que o consumo de café pode estar associado a um menor risco de depressão e ao aumento da produção de neurotransmissores associados ao bem-estar.

Apesar de serem pontos positivos, os efeitos do café podem variar de pessoa para pessoa e seu consumo excessivo pode levar a problemas de saúde. Para entender melhor, consulte o tópico abaixo.

Faz mal tomar café?

É possível afirmar que o consumo moderado de café não faz mal à saúde da maioria das pessoas. Na verdade, o café pode até trazer alguns benefícios para a saúde, como melhora do desempenho físico, aumento do estado de alerta e da concentração, redução do risco de doenças crônicas, entre outros.

O que é importante destacar é que o consumo excessivo de café pode trazer alguns malefícios para a saúde, como insônia, ansiedade, problemas gastrointestinais, aumento da pressão arterial, dependência, problemas na gravidez e aumento do risco de fraturas ósseas.

Sendo assim, a quantidade recomendada de cafeína para a maioria dos adultos é de no máximo 400 mg por dia, o equivalente a cerca de 5 xícaras de café (xícara pequena) ou 10 latas de Coca-cola.

Qual é a origem do café? 

Especificar a origem do café como bebida não é algo tão simples, pois  não existem registros oficiais do momento em que começamos a usá-lo como bebida, mas tentei abaixo reproduzir parte dessa  história que atravessa os séculos. 

Sabemos que a planta selvagem é originária da região das terras altas da Etiópia (províncias de Kaffa e Enária), mas sua domesticação originalmente se deu na cidade murada de Harar, no leste do país.

Se você quer conhecer essa história que atravessa os séculos, confira nosso guia sobre a origem do café.

Quais os tipos de café mais comuns no Brasil?

Existem diversas variedades de café cultivadas no Brasil, como o Catuaí, Bourbon, Catucaí, Icatu e Mundo Novo, mas o Arábica e o Robusta são os mais populares. Conheça um pouco mais sobre eles abaixo:

  • O café Arábica é considerado de alta qualidade e é cultivado em diversas regiões brasileiras, principalmente nas montanhas e altitudes mais elevadas. Ele possui sabor mais suave e menos amargo, com notas florais e de frutas.
  • O café Robusta é cultivado em regiões de clima mais quente e úmido, com solos mais férteis. Ele é mais forte e amargo do que o café Arábica, e é comumente utilizado para blends com o Arábica, a fim de adicionar corpo e sabor mais intenso ao café.

Qual o melhor tipo de pote para guardar café?

Você pode utilizar potes de vidro, cerâmica ou metal para guardar seu café, mas é necessário que eles tenham tampas herméticas. Esses recipientes devem estar guardados em armários bem fechados para preservar a qualidade original do grão.

Agora que você já conhece tudo sobre como fazer café é hora de compartilhar este conteúdo com pessoas que você gostaria que conhecessem mais sobre ela.

E não esqueça, tudo que você precisa para se alimentar com saúde você encontra no Compre do Campo.

Leo Cruz

Especialista em criar aquilo que um dia você vai procurar no Google. Produzindo conteúdo com o objetivo de impulsionar esses pequenos produtores e incentivar a agricultura orgânica, agroecológica e familiar brasileira, com respeito ao meio-ambiente e aos animais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *